Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

SABER ESCOLHER FRAGRÂNCIAS

   

Com a chegada da Primavera há tendência para mudar de fragrância.

 

Antes de o fazer tenha em conta alguns "detalhes" de grande importância.

 

- O aroma de um perfume muda consoante o Ph da pele – o que é agradável para uns pode ser detestável para outros.

 

- Antes de se decidir pela compra de uuma fragrância deve experimentá-la. Tranquilamente.

 

- Se tiver oportunidade aplique-a, pela manhã, e sinta a sua “evolução”  ao longo de algumas horas. Só assim terá a verdadeira noção do “seu” aroma.

 

- A aplicação nunca deve ser feita em espaços abertos de modo a evitar a volatilização.

 

- A eau de toilette, eau de cologne ou perfume devem respeitar a “linha olfactiva” do gel de banho, desodorisante e loção corporal de modo a evitar uma miscelânea de aromas.

Pode recorrer a produtos de higiene inodoros, mas nem por isso, menos eficazes e agradáveis.

 

- As fragrâncias mais resistentes ao passar das horas são as que incluem nas suas fórmulas sândalo, musgo, vétiver e patchouli.

 

Logo que se aperceba de uma mudança de cor ou aroma na fragrância, deve substitui-la.

 

 

Imagens :

- "Primavera", Vincent van Gogh.

- Coffret maquilhage e perfumes, Museu do Cairo

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.