Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Ô d'AZUR de LANCÔME

 Homenagem ao Mediterrâneo

 

 

Quarenta anos depois da criação de Ô de Lancôme, surge Ô d’Azur uma eau de toilette fresca, moderna, com um toque mais floral e menos cítirica, mas nem por isso menos sensual.

 

O mediterrâneo, a Côte d’Azur,  a sua flora, céu e mar azuis foram a fonte de inspiração para o nome e para a formulação da fragrância com a assinatura de Domitille Bertier e Sophie Labbé, IFF.

 

Não admira, pois, que inspirada pelos “aromas mediterrânicos”, o perfume  parte das notas aromáticas da bergamota e do “caviar de limão” da Calábria. O coração da fragrância mistura a essência de Rosa da Turquia com a peónia. A este bouquet floral adicionaram-se as notas frutadas  e doices da litchia  e da pimenta rosa do Equador.

As notas de fundo -  amadeiradas -  entrelaçam-se com as da resina de âmbar e do almíscar, originando um aroma envolvente e sensual.

 

Ô d’Azur de Lancôme revela-se um aroma cristalino, um convite à liberdade e evasão que o convívio com a natureza desperta no nosso corpo e mente.

O frasco  de Ô de Lancôme, foi redesenhado por Fabien Baron para “aprisionar Ô d’Azur. Mais moderno e requintado, surge ”como um reflexo de sol tardio no mar mediterrâneo”. Nada melhor que ouro e metal  para servir de cartão de apresentação a uma fragrância para quem prevejo o sucesso de Ô de Lancôme. À Venda a partir de Julho

 

A minha opinião:♥♥♥♥

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.