Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

NOTA OLFACTIVA DE "COCAÍNA" NUM PERFUME??

 

 

 

Tom Ford é Tom Ford. Tão criativo quanto polémico.

 

A sua mais recente fragrância - Tuscany Leather - está a ser um sucesso nos Estados Unidos e Paris, apesar do preço - 150 €, 50 ml .

 

Mas para Geoffrey Gray, jornalista do New York Magazine: "mesmo assim é uma compra menos dispendiosa que o verdadeiro pó da Bolivia".

É que segundo os entendidos

a fragrância tem um aroma especial  - o da cocaína.

 

Não o experimentei - não está à venda em Portugal e não vai estar, segundo informação do distribuidor Tom Ford, em Portugal -, mas a grande maioria dos artigos a que tive acesso dizem que sim, que tem o aroma da cocaína. 

Para os conhecedores desta droga, a resposta é: "sim...um pouco".

 

Um dos mais conceituados blogs franceses afirma, baseado em declarações dos vendedores Tom Ford, existirem "inumeros consumidores que chegam a perfuntar pelo "perfume que cheira a cocaína".

 

 Aroma a cocaína ou não cocaína na fórmula...eis a questão.

 

Segundo a marca os ingredientes que constituem a pirâmide olfactiva de Tuscany Leather são as notas do couro, do açafrão, do tomilho e da framboesa.

 

É "evidente que o aroma tem um aroma bem oriental, bem ao estilo de Tom Ford.

Mas para além disso nota-se uma "sensação fruitée poudrée, mais suave que gourmande. 

Será "la frambinone"? Essa molécula que, pura, se apresenta sob a forma de um fino pó branco. Sem dúvida,  diz um grande especialista  em perfumes.

 SIM OU NÃO... EIS A QUESTÃO.