Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

PASSATEMPO FRAGRANCIAS / NINA RICCI

 

TEMOS 10 FRAGRANCIAS PARA OFERECER!!!!!

 

 

 

Tal como anunciado, aqui fica um passatempo.

O primeiro desta série.

Uma parceria com NINA RICCI PARFUMS que muito honra o FRAGRÂNCIAS, DISCURSOS E PRÁTICAS.

 

O QUE VAMOS OFERECER:

10 exemplares de LOVE by NINA RICCI, uma edição limitada – eau de toilette, 50 ml -, deliciosa.

 

Se a imagem é sugestiva, posso garantir que o aroma é fabuloso.

Para receber um dos exemplares de LOVE by Nina basta ser AMIGO do blog FRAGRANCIAS no Facebook e responder acertadamente a três questões. Simples, diga-se.

 

1 - Qual a nacionalidade de Nina Ricci?
2 - Qual o ano de lançamento do seu primeiro perfume?
3 - Qual o primeiro perfume em que Nina Ricci Parfums adopta a maçã 
      como símbolo para o frasco?
 
COMO CONCORRER:

 

- Enviar um e-mail, com o seu nome, morada completa e link do seu Facebook (para mostrar que é amigo do Fragrâncias) para:

 

fragrancias.passatempos@sapo.pt

 

 

-  Os perfumes serão atribuídos da seguinte forma:

o primeiro ao e-mail chegado em 20.º lugar;  o segundo ao e-mail chegado em 40.º lugar e assim sucessivamente, até os 10 estarem atribuídos.

 

- Cada pessoa só poderá enviar uma participação, e só será atribuído um prémio por morada.

 

- DATA LIMITE PARA RECEPÇÃO DE MENSAGENS : DIA 25 DE FEVEREIRO, 15H00.

 

- Os nomes dos vencedores do  PASSATMPO FRAGRÂNCIAS / NINA RICCI, será anunciado no blog, caso não nos seja pedido sigilo.

 

- As fragrâncias serão enviadas aos vencedores, directamente, pela NINA RICCI PARFUMS.

 

 

CONCORRA!

 

DIVIRTA-SE!

 

DESCUBRA A HISTÓRIA DE GRANDES PERFUMES E DE GRANDES CASAS!

SABIA QUE...

 

    

 

JOJOBA 

 

Originária das zonas  semi desérticas do norte do Máxico e do sul dos Estados Unidos, a Simmondsia Chinensis – jojoba ou “chochobba” - , surge mencionado pela primeira vez, em 1769.

 

Vinte anos mais tarde, o padre jesuíta Clavijero, divulga em "Storia della California" as suas múltiplas formas de utilização pelos indíos – os grãos de jojoba, ricos em proteínas eram uma fonte alimentar priveligiada, enquanto o óleo era utilizado para proteger a pele e os cabelos contra a aridez e secura do deserto. Mas não só. Era utilizado na cicatrização de ferimentos.

 

                                                           

 

Testes levados a cabo por cientistas das Universidades de Arizonas, Foster e Greene estabeleceram um paralelo entre as propriedades do óleo de jojoba e o da baleia. Essa descoberta revelou-se importante quando, em 1971, os EUA proibiram a pesca das baleias.

 

PROPRIEDADES COSMÉTICAS

 

- Hidratante

- Nutritivo

- Reequilibrante

- Calmante e cicatrizante

- Protector

- Suavizante

- Regenerador

- Anti envelhecimento

- Refirmante

Indicado para todos os tipos de pele, mesmo as mais sensíveis

 

 O óleo de jojoba faz parte da formula de Sublimage de Chanel

COLLECTION COUTURIER PARFUMEUR

 

 

ENTRE O PASSADO E O PRESENTE

 

  

 

A  “Collection  Couturier Parfumeur", Christian Dior” , seguiu a tendências das grandes Maison de Couture que criaram colecções de fragrâncias com venda exclusiva nas suas boutiques.

 

Homenagem aos fundadores? Ligaçação entre o passado e o presente? As duas teorias são verdadeiras.

 

François Demachy, perfumista da Maison Dior, é o responsável por sete das 10 fragrâncias desta colecção que " tem como objectivo dar a conhecer essências raras e de grande qualidade olfactiva, e inspira-se em momentos importantes daquela griffe. No fundo, uma homenagem especial  ao criador do New Look e aos momentos especiauis da sua vida", diz.

 

Não é por acaso que uma das fragrâncias tem o nome de New Look 1947 e outra, Granville, local de nascimento de Cristhian Dior.

 

Cologne Royale, recentemente lançada, evoca um período histórico que Cristhiam Dior adorava – o século XVIII e, como é óbvio, a opulência da corte francesa.

 

 

François Demachy "recuou no tempo" e trabalhou uma pirâmide olfactiva constituída por essências simples mas nobres - a bergamota de Reggio de Calabria, o limão da Sicilia e o neroli da Calábria - para dar forma a esta fragrância.

 

Classificada como um "Hesperidé- Aromatique ", Cologne Royale é uma fragrância unisexo de grande agradabilidade.

 

Nas notas de cabeça impera o aroma da bergamota. No coração, o limão e o néroli; nas notas de fundo a menta e aromas doces.

 

O frasco, cilindrico, é simples: vidro transparente que deixa ver o amarelo suave da fragrância. A etiqueta sóbria lembra as etiquetas que revestiam alguns frascos em séculos passados.

Vale a pena descobrir!

RETENÇÂO DE ÁGUA E CELULITE

 

LIGAÇÃO PERIGOSA  

 

A investigação cientifica demonstrou o que muitos defendiam: existe uma ligação estreita entre retenção de líquidos e celulite! A primeira pode agravar a segunda.

 

“A retenção de água na mulher fica a dever-se a uma deficiente circulação dos líquidos no organismo. Ao inundar os tecidos, o excesso de água provoca um inchaço global da silhueta originando perturbações não só estéticas como sensoriais que, por vezes, se tornam dolorosas. Surgem as famosas “pernas pesadas”, fenómeno que se torna doloroso para muitas mulheres no final do dia.

Mas não é tudo!  O inchaço dos tecidos, a acumulação de água, pode igualmente, originar micro infecções que contribuem para um agravamento e uma difusão da celulite”,  diz Caroline Debbasch, farmacêutica e responsável pela comunicação cientifica Vichy International

 

Desta mesma opinião partilha Gil Amsallem, especialista em drenagem linfática manual: “ há uma enorme tendência para atribuir os problemas de silhueta e celulite exclusivamente à alimentação. Se é certo que ela é, com grande frequência, um factor chave,  a celulite aparece também ligada a um outro fenómeno: inchaço devido à retenção de água.

Saltos altos e longas permanências em pé ontribuem, também, para acelerar ou agravar este processo".

 

Gil Amsallen afirma que para optimizar a aplicação de qualquer produto cosmético, seja ele de emagrecimento ou anticelulítico, deve ser feito um gestual de aplicação que favoreça a drenagem linfática. Dessa forma, os resultados serão mais rápidos.

 

Em associação com os Laboratórios Vichy e para o lançamento de Aqua Destock, Amsallen, criou um gestual de massagem - skintrainingque-, disponível em www.vichyconsult.com.

Cinco gestos que estimulam a circulação, acalmam o sistema nervoso, facilitam a circulação linfática, favorecem a penetração dos activos e preparam a pele para receber os produtos cosméticos.

 

A SABER

A retenção de líquidos (edema) é frequente. Demasiado até. É importante conhecer o fenómeno e as suas variadas causas.

A retenção  acontece quando os líquidos não são removidosdos tecidos corporais e a pele não é excepção a este problema. As causas são múltiplas: excesso de sal, alterações hormonais relacionadas com o ciclo menstrual, problemas circulatórios, vida sedentária, medicamentos, reacção do organismo a altas temperaturas…

É evidente que “ anular” as causas vai ajudar a contrariar o fenómeno e / ou atenuá-lo.

 

AS DICAS NORMAIS

- Reduza o consumo de sal. Tempere os alimentos com especiarias e ervas aromáticas.

- Acabe com as refeições pré-cozinhadas ou fast food.

- Faça refeições curtas e leves mas em maior número: 6 em vez de 3!

- Reforce os capilares ingerindo vitaminas A e C.

- Evite o álcool e tabaco.

- Beba água.

- Acabe com o sedentarismo. Faça, regularmente, exercício. Ande a pé. Suba e desça escadas.

- Acabe com roupa demasiado justa

- Faça exercício regular, uma caminhada, uma corrida ou andar de bicicleta podem fazer pelo gabinete ou suba e desça escadas.

- Não cruze as pernas

- Nos momentos de lazer – ouvir música, ler, ver televisão, por exemplo – mantenha as pernas levantadas.

- Caso o sintoma  de retenção de líquidos deixe de ser um incómodo pontual para virar quotidiano tenda a prolongar-se, consulte um médico.

 

Nao esquecer: alimentação saudável!

 

A evitar: sapatos altos, pernas cruzadas, fumar....

  CUIDE DE SI!!

 

QR15 - Cabelos penteados ao vento.

Nos últimos dias temos vivido com um dos mais típicos elementos do Inverno: o vento.

 

Para quem tem cabelo comprido ou curto, surge uma dificuldade quotidiana. Manter o penteado com o qual saímos de casa logo de manhã, até ao final do dia, que maioria das vezes acaba bem tarde.

 

Hoje esclareço uma dúvida generalizada para tranquilizar quem busca o penteado perfeito ao longo do dia e sonha chegar a casa irréprochable.

 

Usar produtos de fixação todos os dias faz mal?

 

A resposta é simples e prende-se com a qualidade dos produtos que aplicar. Se forem de boa qualidade, se contiverem fórmulas vegetais enriquecidas com agentes hidratantes (seda, alteia, mirra) , conseguimos o efeito desejado com máxima segurança e conforto. E por isso a resposta é não.

 

Na sua Farmácia encontrará marcas que apresentam linhas profissionais com fórmulas vegetais suaves mas poderosas. Para lhe dar um exemplo prático, a goma laca sustém mesmo os cabelos mais pesados e o colagénio de acácia reveste o cabelo para uma modelagem invisível e duradoura.

 

No final do dia poderá eliminar alguns dos produtos com uma simples e saudável escovagem, ou lavar o cabelo com um delicado champô.

 

Certa de que reconhecerá que amanhã é um bom dia para os procurar, garanto-lhe que toda a cosmeticidade está assegurada e poderá sair confiante mesmo com o vento mais forte que o São Pedro nos dá.

 

Um bom dia a todas!

 

Espero ter ajudado!

UM DIA DIFERENTE

 

 

 

 

 

A CAMINHO DA NEVE

 

 

Apesar de estar com fortes sintomas de gripe não fiquei no Hotel.

A pista de Ski esperava-me...

 

Eram 6H30 (5H30 de Lisboa!!) quando o despertador me arrancou de um sono profundo.

 

Noite escura. O parque iluminado parecia uma imagem de "postal".

A luz dos candeeiros, deixavam advinhar gelo sobre a relva e senti um arrepio ao pensar: às 7h30 pequeno almoço ... partida para as montanhas às 8H30....UFF, que frio!

 

Este dia, era uma verdadeira pausa na descoberta de Uriage-Les-Bains e das propriedades das suas águas termais.

Nada de apresentações, nada de conferências. Nada de formulas... Relax total!

 

Partíamos à descobereta das montanhas e ao encontro da neve que, segundo o guia Laurent, "era pouca e poderia pôr em perigo o sucesso das férias que se avizinhavam...".

 

O programa era aliciante:  passeio em raquetas de neve (novidade para mim!) e almoço no "Auberge de Montagne Nemoz".

No regresso, mergulho na piscina das Termas e três tratamentos em que a água termal de Uriage estaria omnipresente.

Depois, um jantar gourmet no Restaurant Les Terrasses a que o guia Michelin atibuiu 2 estrelas. Merecidas, diga-se.

 

O sol fez-se visível parecendo saudar e desejar um "bom dia" a quem se queixava de sono. Quase todas, confesso. Aliás, muitas de nós aproveitaram o "balanço" do mini bus e a cadência "curva a que segue curva", para tentar pôr o sono em ordem.

 

Percorrer cerca de 2/3 quilómetros na neve era o desafio que os nossos anfitriões - Saninter/Uriage - nos lançavam

 

Como correu? Bem. Muito bem.

 

As montanhas cobertas de neve, o sol que obrigava a tirar alguns agasalhos, os pinheiros salpicados de branco...o convite a ouvir o corpo mas, especialmente, as emoções.

Quando olhava o sorriso nos olhos e lábios das minhas companheiras, imaginava que eles veriam o mesmo no meu rosto.

 

A mais de três mil metros de altitude a felicidade feita de paz e liberdade comandava os nossos passos pela neve e as frases sussurradas.

 

Havia silêncio. Muito silêncio. Deliciosamente sentido e respeitado por todas.

 

Uma paragem. Agora para Laurent nos oferecer  chocolate ou bolachas, uma tisana ou vinho quente ( houve quem experimentasse e achasse a receita deliciosa), e nos dizer que bem perto, nas montanhas "do lá de lá do vale" se erguia o Mosteiro de La Grande Chartreuse (foto em baixo), onde os monges Cartuxos , em 1605, tinham criado um licor - Chartreuse -, resultado da destilação de cerca de 130 plantas. Espagíria pura, pensei.

 

Um momento para reaplicar o protector solar que Alix, a Atachée de Press Uriage, nos deixara, simpaticamente no quarto.

 

Um momento para umas fotos que contariam aos nossos amigos esta nossa "aventura" em busca de quietude, ar puro e, sobretudo, beleza.

Também a descida ao vale foi feita em silêncio, como foram de silêncio os quase 15 minutos que nos separavam do restaurante, onde uma refeição hipocalórica (!!!) nos esperava.

Aí sim, as palavras soltaram-se para partilhar experiências profissionais e outras, enquanto o queijo derretia junto à lareira  para depois ser "depositado" nos nossos pratos.

Não sendo grande apreciadora de "fromage a ratelletes", devo dizer que foi uma refeição muito simpática.

 

 

Regressar a Uriage-les-Bains era sinónimo de uma visita ao SPA, a umas braçadas na piscina e a uns tratamentos com água termal.

 

Depois?

O restaurante Les Terrasses abria-nos as portas para uma refeição longa mas inesquecível.

Christophe Aribert, Maitre Cuisiner, brindou-nos com uma refeição em que a sua Arte revela um amor enorme pelas tradições, um conhecimento perfeito dos produtos da região e uma sensibilidade de comover.  

Aromas, cores, sabores despertam a curiosidade...e os sentidos.

Uma cozinha com personalidade, com talento e, poderei dizer, coração.

Um coração aberto ao mundo e à Amizade revelado em conversa e nas dedicatórias personalizadas que deixou nos livros que nos ofereceu- "Les Terrasses D'Uriage-Les-Bains"

  

 

 

 

Até amanhã!

 

Um abraço amigo

 

SAIBA COMO FICAR AINDA MAIS BONITA!

 

 

 ... APRENDA COM UM MAKE UP ARTIST

 

 

"A Maquilhagem ...


Quantas mulheres gostariam de saber um pouco mais sobre este tema, 
que para muitas é banal, para outras uma descoberta e para outras ainda uma 'barreira' que não conseguem ultrapassar?
   

Os tempos mudam, as tendências são sempre novas e as técnicas mais que muitas.
   

Por vezes adaptar a maquilhagem ao rosto, a uma ocasião ou até mesmo à idade pode não ser fácil...


...AGORA É!

 

...AQUI!

...NESTE ESPAÇO!

 

FERNANDO BORGES, Make Up Artist de Shiseido Portugal vai estar com o FRAGRÂNCIAS para responder a todas as dúvidas.

 

- Vai perceber que fazer uma maquilhagem correcta não é tarefa impossível. 

 

- Vai saber qual o material necessário.

 

- Vai descobrir as cores que pode ou não usar.

 

- Vai conhecer os "truques" para aplicar sombras ou fond-de-teint.

 

- Vai saber que tipo de batom escolher.

 

- Vai perceber que disfarçar "imperfeições" é possível.

 

Mas não só.

 

FERNANDO BORGES vai estar perto das leitoras do FRAGRÂNCIAS.

Respondendo às suas dúvidas!

 

Quem sabe, fazendo aconselhamento "ao vivo"...

 

 

ESTEJA ATENTA!

 

 

O SOL CONTINUA A BRILHAR

 

 

 

 

 HIDRATAR A PELE É ESSENCIAL PARA PREVENIR O SEU ENVELHECIMENTO

  

 

 

O amanhecer e o anoitecer em Uriage-Les-Bains, são frios. Bonitos, no entanto.

O parque que circunda o hotel e as termas, continua coberto de gelo quando acordo, e as montanhas de neve. 

 

Os carros  que todas as manhãs, bem cedo, se dirigem a Grenoble iluminam a estrada que circunda a estãncia termal e dão, momentaneamente, uma certa animação a Uriage-Les-Bains.

 

O silêncio da natureza é grande. Saboreia-se. Minuto a minuto, gota a gota como o chá que beberico despreocupadamente no quarto a que foi dado o nome de MISTINGUETT, cantora que fez sucesso no Casino de Paris nos finais do século XIX , Anos 20 e 30 do século XX.

 

A decoração evoca a sua vida. Os cortinados, em tons de vermelho e bordeaux, lembram as cortinas de palco. Os candeeiros Art Déco proliferam e dão uma ambiência agradável a este espaço que me acolhe por uns dias.

Os quadros recordam momentos de glória ...as suas suas estadias pelas Termas de Uriage onde, tal como em Paris, ficou conhecida pela sua beleza "indestrutível", a sua irreverência e ousadia. 

Como curiosidade devo dizer que as suas pernas foram seguras principescamente - uma apólice de 500.000 francos - , uma quantia milionária à época.          

 

 

Os edifícios do Grande Hotel Restaurant Terrasse e das Termas são imponentes.  Verdadeiro coração de Uriage-Les-Bains, são o ponto mais visível para quem chega e, em torno das suas actividades, gira o quotidiano de grande parte da população. Estão paredes-meias com o Casino e com os Laboratórios Uriage, construções modernas.

 

Rua comercial única...

Dezenas de casas que se escondem no arvoredo. Umas, de fim-de-semana; outras ...estivais. Outras, servem de residência a muitos que abandonaram a "poluição de Grenoble" e escolheram este local para morar.

 

No topo da montanha um palácio medieval - "Recentemente vendido ou em fase disso", garantem-me -, propriedade dos aristocratas que fundaram as Termas de Uriage e foram donos de todas estas terras e da própria nascente da água termal durante séculos.

 

Bem perto as fronteiras com a Suiça e Itália, as pistas de ski, que visitaremos amanhã.

 

Por agora espera-me a apresentação de uma nova gama de produtos de tratamento de pele - Aqua PRÉCIS. Uriage, claro.

"Uma gama de cuidados hidratantes - adaptados para todos os tipos de pele e suas necessidades especificas ou estação do ano -  com os benefícios da tecnologia H20  (hidratação por 2 osmólitos) e de uma fórmula inédita em que foi integrado o bio-filme anti-poluição", diz Teresa Figueiredo responsável pela Uriage em Portugal.

 

Devo dizer que gostei e a minha pele agradeceu!

 

O frio seco e o aquecimento não são amigos da pele e, aqui, os contrastes são enormes e constantes. Isto para já não falar do sol quente, agradável...mas traiçoeiro.

 

Da utilização que fiz de Aqua PRÉCIS posso concluir com segurança que reequilibra a passagem de água pela epiderme oferecendo uma hidratação optimizada, regulada e duradoura. A minha pele, apesar das condições atmosféricas extremas, permaneceu fresca e luminosa. Suave.

 

A DESCOBRIR:

Gel Creme Refrescante, um cuidado diário para pele normal a mista.

Creme Conforto, cuidado hidratante diário para pele seca.

Fluido Protector SPF 20, cuidado hidrsatante anti-UV.

Máscara Expresso, cuidado intensivo e hidratante, a aplicar uma a duas vezes por semana sobre o rosto e pescoço.

  

A SABER

- A Água Termal Uriage é naturalmente isotónica e hidratante.

- A sua concentração em sais minerais e oligoelementos respeita o equilíbrio fisiológico das células.

- A água Termal de Uriage é um hidratante ideal do ambiente celular

 

Até amanhã!

 

Um abraço e o desejo de uma BOA SEMANA

 

 

SABIA QUE...

 

 

 

CHÁ VERDE

 

 

O QUE É?

 

Um chá tradicional chinês feito a partir da infusão de Camellia Sinensis.

A designação de "verde" fica a dever-se ao facto de as folhas sofrerem uma mini oxidação, ao contrário do que acontece com o "chá preto". 

É produzido em grandes quantidades no Japão, China e Vietnam.

 
A preparação do chá verde difere um pouco dos chás tradicionais. A água não deve ferver pois,  caso isso aconteça, as folhas "cozem" dando ao chá um sabor muito amargo. O tempo de infusão também não deve ultrapassar os 3 minutos. As "saquetas" são uma opção mais segura.

 

PARA QUE SERVE?

 

É considerado um poderoso antioxidante.

Acção anti-envelhecimento.

Segundo um estudo levado a cabo por investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, "o chá verde favorece a redistribuição da gordura corporal, diminuindo o tecido adiposo mais prejudicial para a saúde, por exemplo, o da barriga".

 

 INTEGRA AS FÓRMULAS DE...

 

Linha GreenTea, Elisabeth Arden.

Thé Vert , Bulgari

Creme anti envelhecimento Repairwear Lift Day SPF 15, Clinique

 

SEM STRESS ... NOS ALPES

 

 

MOMENTOS A NÃO ESQUECER 

 

 

"Era uma vez, um local perto dos Alpes em que o ar era puro, a paisagem maravilhosa e a água tinha propriedades benéficas para facer face a algumas doenças e mal estar...."

 

Poderia ser este o começo para um post em que falar da Água de Uriage e da sua Estância Termal são os objectivos.

 

Nem sempre se chamou assim. Começou por ser Auriaticum, evoluiu sucessivamente, para Oriaticum, Uraticum, e Uriatiucum...até se fixar em Uriage.

 

Diz a história  -documentos arquivados na Bibblioteca Nacional de frança e na Biblioteca de Verona -, que o local onde hoje se situa a Estancia Termal já era conhecido pelos romanos e que as virtudes terapêuticas das águas levaram à construção de um centro onde os legionários romanos podiam descansar e "sarar" os seus ferimentos.

Após a ocupação romana, as propriedades terapêuticas da água de Uriage foram votadas a um esquecimento quase total.

 

Em meados do século XIX, a estância como que "desperta", passando a fazer parte das rotas das grandes estações termais, e a ser frequentada por uma verdadeira élite, indiferente à distância a que se situava - fronteira com a Suiça, a cerca de 7 km de Grenoble.

O importante era cuidar de alguns males - problemas de pele, reumatismo, bronquite, raquitismo, entre outros - e conviver. Conviver muito.

 

A afluência à estação Termal de Uriage foi aumentando gradualmente, o que conduziu ao desenvolvimento de uma cidade termal, cuja frequência oscilou ao sabor das necessidades e das modas - o termalismo foi substituido pelas praias.

 

A partir de 1980 Uriage - Les - Bains conhece um novo fulgor, os edificios são restaurados, as ruas embelezadas e o mundo redescobre os benefícios da água termal.

                                                                             

Mas afinal o que contribui para tornar esta água em "algo" de tão especial?

A resposta é simples.

A Água Termal de Uriage atravessa, ao longo das estações e dos anos, as profundezas dos Alpes, ricas em minerais, enriquecendo-se em cada metro do seu percurso.

Nasce ao abrigo da poluição, tem uma temperatura de 27 graus e um pH constante, e é bacteriologicamente pura.

  

  

UMA QUESTÃO DE STATUS

  

Até meados do século XX, frequentar as termas em qualquer parte da Europa não significava apenas cuidar do corpo.

Conferia um status. A Estância Termal de Uriage não fugiu à regra.

 

Os momentos de lazer eram ocupados com múltiplas praticas - concursos de ténis, equitação, passeios pelo parque.

As toilettes, quer femininas quer masculinas, eram ditadas pelos Costureiros da época.

A elegância aromatizava as salas, os terraços, as esplanadas...

Vestir-se "para o almoço", "para passear" ou "para jantar" era uma rotina a que os frequentadores das termas se submetiam com alegria... e com tempo.

 

Nessa época, pelas Termas de Uriage-Les-Bains passou parte do jet set internacional - a Princesa Youreski ( esposa do Czar Alexander III, da Rússia), Edmond Rostan poeta e dramaturgo francês, autor da peça Cyrano de Bergerac, o pintor Pierre Bonnard, o escritor Stendhal, o cantor Maurice Chevalier e Coco Chanel, entre outros.

 

Aliás os quartos e as suites do Grand Hotel Restaurant Les Terrasses, são designados pelos nomes de muitas dessas figuras internacionais.

A decoração tenta recriar uma ambiência própria, um estilo que nos traduza um pouco da personalidade de quem por ali passou nos primórdios e meados do século XX. 

Visitar a suite de Chanel ( fotos em baixo) foi um momento delicioso.

 

 

 

ATÉ AMANHÃ!

UM BOM FIM DE SEMANA!

 

PENSE EM SI...CUIDE DE SI!