Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

SONHAR É PRECISO

 

UM AROMA REVISITADO

 

 

Um apelo ao sonho, ao romantismo, à poesia foi a fonte de inspiração para a colecção " Les Merveilles de Weill ", constituida por três fragrâncias a conhecer : Rêve, Zibeline e  Secret.

 

Com esta acção a Weil reinterpreta as fragrâncias que foram verdadeiros pilares olfactivos da marca.

 

A filosofia subjacente ao projecto não deixava margem à imaginação: manter a estrutura original dando-lhe o "ar dos tempos", ou seja, modernizando-as e adaptando-as aos gostos olfactivos do século XXI.

Uma imposição : manter a elegância e sofisticação apanágio daquela Maison de Fourrure.

 

Rêve de Weil parte dos aromas do limão, da laranja e da groselha a que se segue um coração recheado de notas florais - lilás e jasmim -, emolduradas por uma pitada de chá verde. Nas notas de fundo, uma combinação de âmbar e musc.

 

O frasco é depurado, elegante.

A saber

 

-  O primeiro perfume Weil remonta a 1927 e foi uma aposta comercial de Marcel Weil.

-  As Fourrures Weil, conhecidas pela qualidade das suas peles e sofisticação de design, influenciaram as fragrâncias lançadas: Zibelline e Anthilope.