Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

DICAS DE MAQUILHAGEM (2)

OS PRODUTOS BÁSICOS

 

Não precisa ter em casa um "depósito" de produtos de maquilhagem. O fundamental é ter o certo, o adaptado ao seu estilo. Este conselho revela-se ainda mais importante para quem viaja com frequência ou vive a "duzentos à hora".

 

Dick Page, Artistic Director of Shiseido The Makeup, indica os produtos indispensáveis em qualquer "operação maquilhagem". 

 

Primeiro:

" Escolha uma bolsa transparente. Em segundos consegue visualizar o que procura".

 

Segundo:

" Um corrector ou/e uma base de maquilhagem. A uniformidade do grão e tom da pele é essencial a uma maquilhagem perfeita. Estes dois produtos restituem-lhe a perfeição desejada".

 

Terceiro:

" Um fond-de-teint. O "vosso", aquele que pode aplicar de olhos fechados porque sabe que é o adaptado à sua pele. Isto é, o fond-de-teint com a cor correcta. Para o escolher , recomendo que o experimente no rosto à luz do dia. O fond-de- teint imperceptível é o seu. Não hexite em o experimentar nos pontos de venda, onde a poderão aconselhar correctamente.

 

Quarto:

"Um lápis para o contorno dos olhos castanho-chocolate, púrpura ou indigo que servirá de sombras para os olhos, aplicado sobre toda a pálpebra e esbatido com uma cotonete".

 

Cinco:

"Um iluminador de cor que servirá não só para iluminar a arcada superior do olho como as maçãs-do-rosto. As sombras, sob a forma de creme, são fabulosas para obter este efeito".

 

 

 

 

 

 

BELLE D'OPIUM

 

UMA NOVA SENSUALIDADE

 

 

´

"Eu queria dar a este perfume uma aura e uma juventude intemporais tingidas com uma sensualidade de tirar o fôlego" ,  diz o perfumista Alberto Morillas, referindo-se a Belle D'Opium, de Yves Saint Laurent.

 

O primeiro contacto com a fragância - um floral-oriental -, revela-nos um bouquet sofisticado de gardénia, flor de lis e flores brancas especiadas, a que foi acrescentada uma pitada de tangerina.

 

No coração, o aroma aveludado e suave do pêssego une-se à pimenta, ao  incenso e ao tabaco. Depois...as notas aromáticas do patchouli e sândalo apontam o caminho do mistério, sedução, sensualidade.

 

O resultado? Um aroma sofisticado, elegante, menos especiado e denso que o Opium, best seller da marca, lançado em 1978.

 

Belle D'Opium inspirou-se na visão criativa de Stefano Pilati, Director Artístioco Y.S.L. e tem a assinatura de dois grandes perfumistas - Alberto Morillas e Honorine Blanc.

  

Mélanie Thierry encarna Belle D'Opium e interpreta uma obra inédita de de Akram Khan, especialista na junção da dança clássica indiana com a dança contemporânea. A música foi composta por Nítin Sawhney. 

Mélanie  recria a dança sensual de Salomé. Os seus gestos revelam a intimidade da dança, mostram aquilo que, normalmente, é vedado ao  espectador: a textura da pele, a respiração, a tensão..."

 

"Para interpretar Belle D'Opium, tentei exprimir um poder dócil e felino siomultaneamnente, deixei-me ir ao sabor do encantamento...Qualquer coisa de extremo. Ao fazê-lo senti verdadeiramente que participava num projecto excepcional", diz a actriz.

  

 

 
.    
 O frasco?  Em azul eléctrico e ouro, copia o Inrô dos guerreiros do Extremo Oriente

ÁGUA BENFEITORA

 

 

 

            EXPERIÊNCIA ÚNICA

Confesso que sou uma apaixonada pelos cosméticos Filorga, uma marca conhecida pelas suas qualidades fabulosas a nível anti-envelhecimento e , sobretudo, pelas suas injecções  a serem aplicadas por médicos especializados.

 

Tive a sorte de servir de « cobaia » a um dos maiores especialistas mundiais em mesoterapia quando, a convite da Filorga,  se deslocou a Portugal para uma apresentação exclusiva à imprensa das ampolas de anti-envelhecimento ministradas por mesoterapia.

 Entre a alegria e o receio  - tenho horror a seringas !!!! – o médico foi fazendo aplicações  nas zonas do meu rosto « mais necessitadas » de umas « gotas de juventude, enquanto explicava a prática.

 

Posso dizer-vos que se era fã de Filorga, passei a sê-lo muito mais e tive pena de não ter tido mais umas aplicações « milagrosas »… !

Quando me convidaram para uma apresentação da Filorga, pensei que se tratava de mais um produto tradicional. Viria a descobrir – embora não tivesse tido a oportunidade de estar presente na reunião – que era algo de bem original – Eau de Soin Anti-Age Filorga.

 

Nem mais nem menos que uma Eau  que se situa entre um « cuidado » e uma fragrância e que se deve aplicar no rosto, decote e mãos.

A fragrância – floral-boisé Musc – foi criada pelos perfumistas de Robertet e tem uma pirâmide olfactiva rica

Ao primeiro contacto, sentimos as notas dom limão e limonete que se casam com as de laranja, bergamota, salva esclerea que se associam às de tomilho, cardamomo… Depois desta onda citríca e aquosa, partimos à descoberta de um coração floral em que a peónia, o lilas e jasmim são reis absolutos. Depois, como notas de fundo, lá estão o cedro e os musgos brancos para darem à fragrância um om » boisé.

 

Imagino a vossa pergunta, queridos Amigos, « mas como pode a Eau Soin Anti-Age ter propriedades anti-envelhecimento ? É simples. A fragrância contem também na sua fórmula óleo essencial de alecrim, mimosa, e gengibre reconhecidos pelas suas propriedades aromáticas, cosmetológicas e terapêuticas e que foram bapitados de Actiscents.

O óleo de alecrim tem propriedades anti-elastase, o óleo de azeitona propriedades anti-radicalares e o gengibre e a mimosa uma acção anti-hyaluronidase.

 

O frasco tem linhas sóbrias. Um jogo de branco e cinza.

 

 A minha opinião:♥♥♥♥♥

LADY MILLION

  •  

SENSUAL, REQUINTADO, INESQUECÍVEL

 

Quando, em 2008, foi lançado, com grande sucesso, 1 Million, de Paco Rabanne,  não era difícil advinhar que o perfume feminino vinha a caminho.

 

Dá pelo nome de Lady Million e, tal como na fragrância masculina, veste-se de dourado, como muitos vestidos que imortalizaram Paco Rabanne. 

 

Não terá sido por acaso que a apresentação à imprensa portuguesa (onde não faltou um cofre!),  coincidiu com a exposição, em Cascais, de peças e fotografias da obra do Criador.

 

Quem é a mulher Lady Million ? Tudo indica que é uma mulher que seduz e se deixa seduzir, uma mulher que oscila entre o mundo dos sonhos e dos fantasmas. Uma mulher que sabe o que quer e como alcançar os seus objectivos. Uma mulher bela... rebelde, livre. 

 

Dree  Hemingway, neta do escritor, deu vida à campanha publicitária. Com 22 anos, sedutora, exuberante, sensual, surge como um desafio/resposta ao homem 1 Million.

 

Criado pelos perfumistas Anne Philipo, Bétrice Piquet e Dominique Ropion (IFF), Lady Million é um floral boisé que parte das notas aromáticas da laranja amarga, framboesa e neroli, para se deixar envolver por um coração floral feminino e sensual:  jasmim, flor de laranjeira e gardénia. Nas notas de fundo a intensidade do patchouli suavizado pelo mel.

 

Em Lady Million o lingote de ouro foi substituído por um diamante que dá forma a um frasco de rara beleza assinado pelo designer Noé Duchaufour-  Lawrance.

 

A Eau de Parfum Lady Million está disponível em três referências : 30, 50 e 80 ml. Uma linha de banho -Gel Douche, Lait pour le Corps e Déodorant - antecipam um momento de verdadeiro prazer.

 

 

 

A minha opinião : ♥♥♥♥♥

 

 

PARTI DE GIRONA CHORANDO...

 

                                               

 

 

 

 

 

 

 

 

UM ENCONTRO PARA TODA UMA VIDA

 

Foi em Barcelona que conheci Idili Lizcano. Vão para lá uns 15 anos. Devo confessar que estava entusiasmada com este encontro mas, especialmente, curiosa: seria "ele" como o imaginara? Seria simpático, acessível ou altivo e distante?

 

Devo dizer que não estava ali como jornalista mas como alguém que desejava descobrir a beleza e as propriedades terapêuticas dos Óleos Essenciais. Alguém que desejava, também, usufruir dessas propriedades. Reencontrar a harmonia. O que aconteceu.

 

Todas as minhas expectativas foram ultrapassadas. O Idili Lizcano é de uma afabilidade e simpatia extremas. 

 

Aliás, este encontro, que me levaria até Girona, pareceu-me o "reencontro" com um Amigo que não via há muito, muito tempo. Falávamos a mesma linguagem...mas não a mesma língua. 

 

Vi-o mais algumas vezes, em Portugal. Como jornalista. 

Idili veio receber um Prémio  - Produtos de Beleza e Perfumes da Máxima -, no Teatro São Luis, em Lisboa. Participou em alguns encontros com Editoras de Beleza.

 

Trocamos mensagens. Longas mensagens em que, simpaticamente, responde às dúvidas (muitas!) que tenho sobre o mundo da Cosmetologia e da Aromaterapia. Respostas objectivas.

Frequentemente, lança uma pista que me coloca "em movimento de busca".

 

 Idili Lizcano, fundador de EL TALLER DE ALQVIMIA,  Presidente da Fundação IDILI LIZCANO, é um nome consagrado na Aromaterapia mundial.

 

Com ele tenho em comum, como já perceberam,  a paixão pela Natureza, pelos Óleos Essenciais...e pelos Perfumes.

O desejo de ajudar o Homem a sentir-se bem consigo próprio e com os outros.

A alegria de podermos dar um pequeno contributo para a  (re)conquista da Harmonia e felicidade a que todos aspiramos. A que TODOS temos direito.

 

 

 Mas afinal o que é a AROMATERAPIA?

 

Aromaterapia consiste  na utilização de Óleos Essenciais puros com fins terapêuticos e, posso afirmar, ser tão antiga quanto a Humanidade.

 

Na verdade o homem primitivo, utilizava os benefícios das plantas, raízes, folhas, frutos, ervas e outros elementos vegetais,  de uma forma empírica. Bem cedo percebeu que queimando determinado tipo de plantas  obtinha benefícios  quer a nível de saúde quer do seu bem estar fisico e psicológico…. e foi experimentando. Essas “experiências”, e os seus resultados, constituiam verdadeiros  “segredos”   que foram sendo transmitidos de "orelha a orelha", de geração em geração, de mestre a aprendiz.

Esse conhecimento empírico foi sendo demonstrado pela ciência. Nasceu a Aromaterapia, reconhecida pela OMS.

 

 

Na Europa existem três grandes escolas de Aromaterapia – a "Escola Francesa", a "Escola Inglesa" e a "Escola Espanhola".

 

A "Escola Francesa" nasce no ínicio do século XX. O médico francês Gattefossé foi quem utilizou pela primeira vez o termo “Aromaterapia”, após ter sentido em si próprio o poder terapêutico dos Óleos Essenciais. Trata-se de uma escola baseada na utilização clínica dos Óleos Essenciais.

 

.

 

 

A "Escola Inglesa" nasce nos Anos 70, inspirada na "Escola Francesa", mas segue  uma via diferente - a  das terapias. A esta escola estão ligados nomes como os de Patricía Davis ( "London School of Aromatherapy") e Valery Anne Worwood. Os seus conhecimentos rapidamente  se propagaram à Austrália e Canadá. Hoje em dia, a "Escola Inglesa", tem seguidores em todo o mundo.

 

 

 A "Escola Espanhola" é a mais antiga. Com efeito, os conhecimentos da perfumaria,  da cosmética e da alquimia entraram na Europa através da Espanha, trazidos pelos árabes que ali se instalaram na Idade Média.

 

A “ junção ou encontro” de três tradições culturais diferentes - Cristã, Árabe e Judia -  reflectiu-se  na história da Península Ibérica. 

 

.

 

 

A "arte da aromaterapia, da perfumaria e da cosmética" atingiu um verdadeiro apogeu em cidadas como Barcelona, Girona, Toledo, Granada e Ávila.

 

Não será por acaso que, ainda hoje, existe uma praça em Córdoba designada “Akli Atar”…o perfume ou perfumista.

 

Poder-se-á afirmar que tradições milenares, alta tecnologia  e investigação cientifica de vanguarda, deram as mãos com um objectivo comum: dar à humanidade produtos com propriedades terapêuticas fabulosas.

 

    

 

 

A AROMATERAPIA vai conquistando o seu espaço. Com passos seguros.

 

 

 

 

Idili Lizcano, segue a tradição da "Escola Espanhola". A ela associou outros conhecimentos e experiências, oriundos dos mais diversos pontos do globo, criando um método de diagnóstico e terapia exclusivos.

 

Os Óleos Essenciais utilizados por EL TALLER DE ALQVIMIA são cem por cento Bio e devidamente certificados. Deles, e da sua utilização terapêutica, falarei em breve. 

 

A linha de cosméticos ALQVIMIA, formulada para responder às mais variadas necessidades da pele do rosto e corpo, beneficia das propriedades  dos Óleos Essenciais que integram as suas fórmulas.

 

 

(Porque "Parti de Girona chorando", perguntarão.

 

Não sei, Queridos Amigos. Sinceramente.

 

Sei que as lágrimas "corriam"..."corriam"..."corriam", como se tivesse deixado para trás a minha cidade, a minha família...O MEU FILHO, o Pedro.

 

Sabe-se lá porquê. "Há razões que a razão desconhece..."

 

Sei que vou voltar a Girona. Brevemente).

 

 

BOAS FÉRIAS, se for caso disso.

 

UMA BOA SEMANA!

 

QUESTÕES COM RESPOSTA

 

VAMOS DESFAZER MITOS. TIRAR DÚVIDAS

 

 

Chama-se Joana Nobre. Vive no Porto. É licenciada em Ciências Farmacêuticas e tem uma Pós-graduação em Dermofarmácia e Cosmética.  

 

Trabalhou em Farmácia Comunitária e Hospitalar

 

Actualmente, faz parte da Direcção de Comunicação e Ciência da Ales Groupe Portugal

 

Uma apresentação à imprensa, feita pela Joana, é um momento de harmonia. Ela expõe temas, responde às questões que lhe colocamos. Sempre com boa disposição...e o sorriso no olhar.

 

Não raro, deixo partir as outras editoras de beleza e fico, por ali, a conversar com ela, a tirar dúvidas, a lembrar Coimbra onde, por coincidência, descobri ela ter nascido e os pais terem estudado. Quem sabe me cruzei com eles. Coimbra...é mesmo assim. Liga-nos numa "cadeia de boas Amizades".

 

Numa dessas conversas lancei-lho o desafio de responder ás questões colocadas pelas leitoras do "FRAGRÂNCIAS". Disse que sim. Com profissionalismo e simplicidade.

 

Aqui estou a apresentá-la. A anunciar que, a partir do dia 9 de Setembro, ela vai estar consigo. Neste espaço. Sempre à quinta-feira.

 

Coloque as suas dúvidas sobre cuidados a ter com a pele. Em todas as idades. Em todas as estações do ano.

 

Envie um email para: mfernandadiniz@gmail.com.

 

Obterá resposta. SEMPRE!

 

Uma boa semana.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SETEMBRO ...

 

O OUTONO VEM AÍ

 

Sensualidade, elegância são nos trazidos por uma imagem do calendário Maybelline New York.

 

O regresso de "uma ronda" pelas boutiques de Nova Iorque. O resultado é visível: uma série de caixas que devem esconder as últimas tendências de moda... Por certo, aquelas "peças" que fazem mudar um look, quando bem conjugadas.

 

Esse é o segredo de muitas mulheres que "estão sempre na moda" gastando pouco dinheiro.  Sabem brincar com as cores, combinar acessórios para dar um visual moderno a um guarda-roupa com alguns anos.  Uma "arte", podem crer.

 

Tenho uma Amiga - a Alexandra - que tem esse dom. Foi pena não ter seguido a profissão de designer. Teria sucesso a desenhar e a fazer aconselhamento personalizado.

 

Ir com ela às compras é uma verdadeira aventura. Imaginação, fantasia, conhecimento das tendências e paciência na busca (muita!), tornam um qualquer fim de tarde num momento de partilha divertida com dois resultados positivos: "refrescou-se" o guarda-roupa, e gastou-se muito pouco dinheiro.

 

Uma trécnica que todos devemos aprender.

 

Na mudança de estação dê uma olhada às revistas da especialidade. Depois, "veja com olhos de ver" o seu guarda-roupa. Vai descobrir, por certo, que uma camisola, uma t-shirt ou camiseiro, um lenço ou écharpe,  e alguns acessórios (os cintos regressam em força este Outono!) vão mudar totalmente o look do tailleur  (ou outra peça  de vestuário) que transitaram do ano anterior. Simples. Aposte na sua imaginação.

 

Nunca se esqueça que a verdafdeira felicidade nasce no interior e que não há fato ou vestido Haute Couture ou pret-à-porter de luxo que resistam ao olhar infeliz e à inexistência de um sorriso.

 

Aprenda a gostar de si.

Aprenda ou reaprenda o caminho da felicidade.

Descubra "aquilo" que lhe dá momentos de verdadeira felicidade. Invista nesses momentos.

 

A saber: A imagem do calendário foi fixada por Kenett Willardt . A maquilhagem tem a assinatura de Charlotte Willer. A modelo é Kemp Muhl.

ATENUAR A FLACIDEZ

 

 O QUE DEVE SABER

 

 

 

 

 

 

 

 

Os últimos dados divulgados não deixam lugar para dúvidas: a mulher a partir dos 20 anos, perde, anualmente, em média, 1 por cento do seu colagénio. Basta prever um pequeno cálculo para "prever o futuro".

 

"Como se sabe as fibras de colagénio, situadas nas camadas mais profundas da pele, sustentam-se e asseguram a sua firmeza e preenchimento. Com a idade. essas fibras degradam-se e quebram. A pele perde elasticidade. à sperfície, os sinais de envelhecimento acentuam-se, a flacidez instala-se", diz Sara Lopes da Silva, dos Laboratórios Innéov Portugal.

 

Mas não é só o passar dos anos que contribui para a flacidez.

 

Oscilações hormonais, alterações frequentes de peso motivadas por dietas drásticas e desequilibradas, falta de exercício são causas a ter em conta.

 

Uma alimentação à base de fibras, proteínas, sais minerais é aconselhável, bem como eliminar o consumo de álcool, tabaco e carnes vermelhas.

 

A prática reguçlar de ginástica é indispensável. A aplicação de um creme, que para além de hidratar "reestruture" a pele, é outro cuidado a ter se deseja ter êxito na luta contra a "lei da gravidade".

 

Existem suplementos nuticionais que, por via oral, ajudam a prevenir ou atenuar a flacidez.

 

Experimente...mas não descure a alimentação ou exercício.

 

Pág. 4/4