Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

UMA FRAGRANCIA EXCLUSIVA

 

 

 

Os perfumes personalizados estão na moda.

 

A sua formulação é dispendiosa e, como tal, não acessível ao comum dos mortais.

 

Artistas, estrelas de rock ou Sétima Arte, milionários são os clientes que procuram o aroma único, "aquele" que melhor se coaduna com a sua forma de estar e ser.

 

Mas não só.

Uma fragrância personalizada pode ser a "oferta simbólica" que homenageia alguém ou celebra uma data.

 

Foi o que aconteceu om a Rainha Isabel II de Inglaterra que recebeu um perfume  - Adamas - elaborado pela Royal Society of Chemistry (RSC) como presente pelo Jubileu de Diamante.

 

Adamas, diamante em grego, reune uma série de notas olfactivas represenativas do império britânico.

 

Ao Canadá foram buscar o cedro... à India, o jasmim...

Do Sri Lanka veio a canela... Da Jamaica o pimentão... Da Austrália, o sândalo.

 

Dizem os especialistas que, desde os tempos de Cleopatra, não se formulava uma fragrância tão "exclusiva".

Não me admiro.

 

'O perfume foi inspirado nas fragrâncias clássicas que existiam quando Isabel II foi coroada.

As flores sensuais eram muito populares nessa época, assim como os componentes frescos e vivos. Todo isso está reunido no Adamas, uma fragrância floral -verde com estilo clássico mas toques modernos, diz a perfumista Angela Stavresvka.

 

 

Design

 

Um perfume personalizado exige um frasco único.

 

Adamas surge "aprisionado" num delicado frasco artesanal e tricolor-  vermelho, dourado e rosa -. e tem a assinatura de dois famosos artesãos - David Sanders e Andrew Wallace.

O vidro utilizado foi reciclado na cidade inglesa de Dartington.

 

A Royal Society of Chemistry obriga-se, obviamente,  a manter a fórmula secreta.