Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

FORMULA DO ETERNO FEMININO

 

 

"Eu busco o ouro do tempo", dizia André Breton.

 

Creio que Chanel o terá encontrado.

Todas as suas peças de vestuário, marroquinaria ou bijouterie permanecem verdadeiras obras de arte que reflectem o tempo que passa e o que dele fica.

 

"Durante um quarto de século criei moda, porque eu vivia a minha época e o importante é fazer a coisa certa no bom momento. Eu criei o estilo mais conhecido no mundo, porque a moda passa mas o estilo fica", afirmou Coco Chanel.

 

Esse sentido do "coisa certa no bom momento" estende-se às fragrâncias e Chanel 5 é a prova disso.

 

Não vou falar da forma como terá sido escolhido - pelo aroma ou pela numeraçãp do frasco ou por o cinco ser exotericamente um número chave.

Não vou lembrar o design linear  do frasco  que foi evoluindo subtilmente ao longo dos anos.

 

Deixo-vos com um video fabuloso (versão em inglês ou francês) que fala do Nº5, da sua história e da nova imagem publicitária -  BRAD PITT - de que vos falei meses atras.

 

Chanel é Chanel.

Esta "mostra"dá prova dessa Arte que é a MODA e a PERFUMARIA.

Da elegância, do feminino sempre renovado que a Maison Chanel representa.

 

 

Brad Pitt rosto do Nº5

 

Claro que estou desejosa de ver a campanha publicitária.

Um momento que vai ficar na história das imagens publicitárias das fragrâncias.

Afinal, é um homem que vai dar rosto a um clássico, à fragrância mais vendida no mundo.

 

E occorre perguntar: Que diria, hoje, Marilyn Monroe em resposta à pergunta provocadora de um jornalista que, em 1955, lhe perguntou o que ela usava para dormir??!

 

 

 

 

 

 

 
 
E A VOZ...?
BRAD no seu melhor!
Esperem para ouvir!
 
Parabéns, CHANEL!