Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Fragrâncias

Perfumes, Práticas e Discursos

Para agarrar a cor do bronzeado na sua pele, porque não o autobronzeador

 

 

Decidi hoje fazer um post sobre os autobronzeadores, pois como farmacêutica a trabalhar na área da cosmética há tantos anos, muitas são as dúvidas que habitualmente me colocam, penso que muitas vezes decorrentes dos autobronzeadores clássicos que “pintavam” a pele, e cuja única característica que tinham em comum com os autobronzeadores da actualidade era realmente o nome.

 

Antes do mais, quero desde já explicar que existem 2 tipos de ingredientes autobronzeadores: os concebidos exclusivamente à base de Dihidroxiacetona (DHA), e os autobronzeadores concebidos com base na utilização de um ingrediente de nova geração, a eritrulose, que é também um açúcar como o anterior, e cuja reacção que desencadeia na pele é a mesma da DHA, designada de reacção de Maillard, que tem como resultado a formação de um composto de cor acastanhada - a melanoidina.

Qual é então a diferença entre os dois ?

Embora actuem da mesma forma, há uma grande diferença no tempo de actuação: a DHA actua normalmente em 1h enquanto a eritrulose demora cerca de 2-3 dias para evidenciar resultados…e mais, como “depressa e bem não há quem” a eritrulose processa a reacção de Maillard de uma forma muito mais perfeita e eficaz do que a DHA, resultando num tom muito mais próximo daquele que a exposição ao sol nos dá. Poderá também escolher autobronzeadores que combinam a DHA com eritrulose (a melhor opção), pois o facto desta última ser incorporada numa formulação, mesmo que com DHA, de imediato proporciona resultados mais uniformes, mais próximos do bronzeado, e de uma forma progressivamente mais rápida. As marcas tecnologicamente de vanguarda já só utilizam esta combinação.

 

Acredite que os autobronzeadores são a forma mais saudável de ganhar um tom bronzeado, e mesmo quando chegar a verdadeira época de praia (sim, parece que já chegou, os dias quentes já convidam a uns bons banhos) não abuse do sol, e aproveite para fazer meia-dose de sol, meia-dose de autobronzeador (espero ter sido clara). Vai ver que os resultados falarão por si!

 

Atenção que o facto de estar bronzeada não lhe confere protecção solar, pois como expliquei, esta coloração resulta da formação de um pigmento acastanhado na camada mais externa da pele - a camada córnea. Mas chegará ao seu 1º dia de praia, parecendo ter já feito uma época inteira, bem pensado, não?

 

 

Deverá ter apenas alguns cuidados para resultados perfeitos:

-Fazer uma esfoliação no dia anterior ou no próprio dia para que o resultado seja o mais uniforme possível e sem manchas.

-Aplicar, de preferência o autobronzeador à noite, após o banho, na pele seca. A água interfere na homogeneidade e absorção do autobronzeador.

-Aplicar o mais homogeneamente possível o autobronzeador, aplicando apenas os excessos que sobram nas mãos nas zonas mais pigmentadas como os joelhos, cotovelos e junção com o couro cabeludo.

-Lavar muito bem as mãos, palmas e dorso, para evitar manchas imprevistas.

-Após aplicar o autobronzeador, dar 5 minutos antes de se vestir para que este seja absorvido e o atrito com a roupa não retire o que foi aplicado, o que resulta depois em manchas.

-Se quiser, faça um teste numa pequena área discreta, para testar a cor que vai resultar.

-Depilações não devem ser feitas no dia da aplicação do autobronzeador.

 

E passe já à acção! Está calor, assim pode já tirar as meias.

Espero que estes conselhos tenham sido úteis,

 

Até breve!